Desenvolvimento de Software de Qualidade através de Testes Automatizados

Professores: Prof. Dr. Alfredo Goldman Vel Lejbman, Prof. Dr. Fabio Kon, Hugo Corbucci, Mariana Vivian Bravo, Paulo Cheque Bernardo.

Objetivos: Familiarizar desenvolvedores de software, tanto estudantes quanto profissionais do mercado, com a importância dos testes automatizados e com as principais tecnologias e métodos associados a esta disciplina.

Justificativa: A escrita sistemática e freqüente de testes automatizados é fundamental para o desenvolvimento de software de alta qualidade. No entanto, observa-se que a utilização das tecnologias e métodos relacionados a testes automatizados ainda é muito pequena na indústria de software brasileira. A falta de uma política de testes e, também, de sua automatização leva a uma queda na velocidade do desenvolvimento de sistemas de software complexos e, principalmente, a uma queda na qualidade do software desenvolvido, que passa a apresentar muitos erros e torna-se difícil de ser mantido e estendido. Este curso de extensão tem, portanto, um papel de grande importância para contribuir com a formação conceitual e com a prática diária da grande maioria dos desenvolvedores de software da indústria de software nacional que ainda não possui conhecimento adequado nesta área.

Conteúdo: Importância do Teste de Software. Diferença entre testes manuais e automatizados. Tipos de testes: testes de unidade, teste de aceitação, teste de estresse, teste de segurança. Arcabouços para automação de testes, família xUnit, Selenium, JMeter, etc. Cobertura de testes. Técnicas avançadas para escritas de bons testes. Padrões auxiliares para escrita de testes em sistemas de grande porte e em sistemas com Bancos de Dados.

Pré-requisitos: Conhecimentos básicos de Desenvolvimento de Software e Orientação a Objetos.

Bibliografia:

Kent Beck, Extreme Programming: Explained, Addison-Wesley, 2000 (1a edição) e 2005 (2a edição).

Kent Beck, Test-Driven Development: By Example, Addison-Wesley, 2002.

Alistair Cockburn, Agile Software Development, Addison-Wesley Longman, 2002.

Marcio Delamaro, José Carlos Maldonado, Mario Jino (Orgs.). Introdução ao Teste de Software. Editora Campus, 2007

Martin Fowler, Refactoring: Improving the Design of Existing Code, Addison-Wesley, 2000.

Brian W. Kernighan and Rob Pike, The Practice of Programming, Addison-Wesley, 1998.

Carga Horária:

20 horas: 01/02/2010 a 05/02/2010, 2a. a 6a. das 14h00 às 18h00

Investimento:

R$ 400,00

Inscrições: http://www.ime.usp.br/~verao/

Fervens was created by Design Disease for WordPress, brought to you by Smashing Magazine.
Ported to Drupal by Leow Kah Thong - Freelance Drupal Developer.